segunda-feira, 3 de agosto de 2015

Como viajar (quase!) de graça


 Quem nunca sonhou em fazer uma viagem e foi impedido por falta de orçamento? Pois saiba que existem sim meios de tirar esse sonho do papel, basta força de vontade e criatividade!



1# Worldpackers

O Worldpackers é um site que reúne os melhores Hostels do mundo em apenas uma plataforma. Funciona mais ou menos assim: depois de fazer seu cadastro pessoal com informações sobre o que você tem a oferecer, você escolhe o destino, o Hostel e quando quer ir. Se o Hostel tiver vagas naquele período, vocês combinam e pronto!
Em troca de uma mãozinha trabalhando algumas horas por semana você ganha hospedagem gratuita e ainda mais coisas, como café da manhã e lavanderia à disposição, dependendo do que o Hostel oferecer em troca da sua ajuda.
A maioria dos Hostels têm hospedagem mínima de duas semanas, podendo estender por até um ano. Para saber mais, clique aqui!





2# Au Pair



Consiste em um programa de trabalho no exterior como babá em países como EUA, Canadá e Holanda. O Au pair têm permanência mínima de um ano, podendo se extender até dois anos.
Pagando uma taxa para as agências, que gira em torno de US$ 950, você trabalha para uma família nativa em troca de hospedagem na casa da família, pocket money de US$ 195,75 por semana, refeições inclusas entre outros.
O programa é o melhor programa de intercâmbio em termos de Custo x Benefício. Para saber mais sobre o ele e seus pré-requisitos, clique aqui!



3# Escolha seu destino com cuidado



Por que não visitar Èze, Rochefort-en-Terre ou Annecy por alguns dias em vez de passar sua viagem inteira à França em Paris?
Ou então, trocar Koh Phi Phi, na Tailândia, por Fernando de Noronha, aqui no Brasil mesmo?
Quando a grana está curta, e o que você quer mesmo é viajar e conhecer o mundo, a melhor solução é trocar destinos turísticos por outros não tão conhecidos.
Além do custo ser mais baixo, suas fotos de viagem serão muito melhores do que os mesmos pontos turísticos de sempre! Quem sabe o que você descobrir?




4# Ir em baixa temporada



Hotéis, passagens aéreas e custos para se manter no local durante o período de viagem são muito mais caros se você vai em alta temporada! Se programe para tirar férias fora do período de dezembro/janeiro e junho/julho/agosto. 
Sim, agosto também! Se sua viagem for para fora do país, saiba que o ano escolar de alguns desses países têm férias de verão até agosto, o que significa muito movimento turístico.
Ir em baixa temporada ainda pode te proporcionar menos movimento de turistas no destino e promoções nas agências de viagem!



5# Saiba abrir mão



Se seu sonho é ir à Itália visitar grandes museus, pontos turísticos e se deslumbrar com as paisagens exuberantes, mas você não têm dinheiro para bancar tudo o que você imagina, você pode abrir mão do conforto e ficar em um hostel em vez de um hotel com quarto privado, por exemplo.
É tudo uma questão de balancear suas prioridades da viagem. Você pode comer bem todo dia, ficar em um hotel 5 estrelas e visitar apenas pontos turísticos, museus, shows, etc, gratuitos ou ficar em um hostel, comer bem apenas no jantar e ir à todos os locais que você marcou que gostaria de visitar.
Como dito acima, tudo depende do que tiver mais importância para você!


6# Se Programe



Passagens aéreas podem sair o dobro do preço se compradas em cima da hora! Logo, se você precisa economizar, planeje sua viagem com antecedência para aproveitar promoções e ganhar descontos em reservas de hotéis e voos. Pesquisar sobre os locais que serão visitados também te ajuda a saber os dias em que terá meia entrada, entrada gratuita ou promoções naquela semana.
Planejamento é a melhor maneira para se ter uma noção real do que será gasto.



Estas foram algumas dicas de como viajar de forma mais econômica e te dar aquele empurrãozinho que faltava para você realizar seu sonho! O que se deve frisar sempre é que o que importa, no fim das contas, é você se realizar. Portanto, experimente tudo sem preconceitos, faça amizades e saiba aproveitar as coisas simples da vida, que quase sempre são de graça. Boa viagem!