quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Qual faculdade fazer?



Agora que já passou a virada de ano, começam as chamadas dos vestibulares. Sisu, Prouni, FIES, Nossa Bolsa... São muitas as formas de ingressas na faculdade. Mas às vezes é mais difícil escolher o que fazer do que onde fazer. Nesse post vamos ajudar você a fazer sua escolha, e contamos também nossas experiências pessoais.

Definir uma das 3 áreas

Primeiramente, você deve optar por um dos três grandes nichos. Cada um contém uma imensidão de cursos com características semelhantes. Por exemplo, Exatas envolve todas as Engenharias, Matemática, Nanotecnologia entre tantos outros.
Decidida sua grande área, tudo se torna mais fácil. Para escolher, foque nas suas habilidades e preferências. Algumas profissões, como o Arquiteto, devem conciliar a dominação das artes com os números. Então você pode estar envolvido em duas áreas ao mesmo tempo!



Ler a Respeito  sobre cada Curso  desse nicho


Depois da área, você deve escolher alguns cursos dela. Sim, alguns! Selecione os que mais te agrada e pesquise tudo que você encontrar sobre ele. Melhores instituições, mercado de trabalho, áreas de atuação... Cada ponto será decisivo!


Remuneração x Realização


As vezes nos encontramos num dilema: Fazer o que dá prazer ou fazer o que dá dinheiro? Por mais que você queira que eu te diga que basta você fazer o que você ama que o dinheiro vem, muitas vezes não é bem assim.
Claro que fazer o que gostamos nos faz querer ser melhor a cada dia, porém o mercado é competitivo, e, principalmente aqui no nosso país, as coisas não andam muito bem. Você deve colocar na balança suas ambições e sua satisfação pessoal, quem sabe elas até não coincidem?


Se fizer uma escolha errada, não se desespere!


Se de tudo você entrar num curso e não se identificar, não se desespere! Sempre dá pra mudar. Todo ano tem vestibular, e dentro da própria IES (Instituição de Ensino Superior) você consegue fazer a transferência para outro curso. 
Se você tem indecisão crônica, que é a mudança constante de curso, acessando aqui você tem mais informações sobre como ser orientado!


Minha Experiência


Minha experiência com a faculdade é essa mesma, a das escolhas erradas. O ano de entrar na faculdade pra mim seria o de 2014, mas como fiz o ensino médio no IFES (que dura 4 anos!) entrei um ano depois, em 2015.
Consegui uma bolsa integral no curso de Fisioterapia noturno, e comecei a cursar. Com o meu acidente, que eu falei melhor aqui, saí da faculdade. E quando ainda estava em fase de recuperação, o Prouni abriu novamente, e, como estava sem muita perspectiva, decidi tentar uma vaga pro curso que eu queria desde o início, Arquitetura e Urbanismo.
Consegui a vaga, mas como não fechou turma tranquei pra começar agora, em 2016/1. 

Só de olhar a matriz curricular do meu curso meu coração já dispara! E é assim que você deve se sentir. Eu seria feliz atuando como Fisioterapeuta, mas tenho certeza que vou ser muito mais como Arquiteta!


Espero ter conseguido ajudar você a fazer sua escolha e clareado seus caminhos! Qualquer dúvida ou desabafo, pode deixar aqui nos comentários que será um prazer responder.