terça-feira, 2 de agosto de 2016

Vivendo no Piloto Automático

Ilustração: Mônica Crema.
É visível que a forma como nos comportamos nos dias de hoje são mais individualistas do que jamais foram em outra época, e com a grande participação da tecnologia nos tornamos uma espécie de pessoas que apenas deixam o tempo passar. 

Mas como assim? O que eu quero dizer é que adiamos nossos sonhos sempre para frente. Esperamos o fim de semana para nos divertirmos, esperamos as férias, o natal, o ano novo para buscar novidades... Sempre esperamos algo e nesse meio tempo nos limitamos a viver no piloto automático.
Provavelmente vocês já viram o filme Click, com Adam Sandler (se não viram, eu recomendo!). O filme, apesar de ser uma comédia meio boba, basicamente mostra as consequências de se viver no automático, e como você perde sua vida buscando apenas os grandes acontecimentos. 




Com isso em mente, é fácil fazer uma reflexão e perceber que você não se lembra de muitas coisas que aconteceram a dois meses atrás. Ou de uma semana talvez. Parece que só existimos. E é exatamente esse tipo de sentimento que aparece as vésperas de uma virada de ano. Chegamos no último mês com uma sensação de que tudo passou muito rápido, que nada foi aproveitado como poderia ter sido e que sua vida escorre pelos seus dedos mais depressa do que você gostaria.

Mas como impedir que isso aconteça? É relativamente simples. VIVA. Aproveite o máximo de todos os momentos do seus dias sempre.
Mantenha um diário, um blog, uma pasta com fotos que você tira todas as semanas... Deixe suas memórias vivas. E não viva de forma individualista, visite seus amigos, saia de casa, conheça novas pessoas. Queira conhecer novas pessoas e lugares. 

Ilustração: Mônica Crema
Tente fazer mais coisas sempre que tiver um tempo livre, sair para aquela trilha que você vê todo mundo fazer mas a preguiça te impede, andar de bike pela sua cidade sem rumo, juntar uma graninha para viajar, ser voluntário, começar um novo hobbie... Não importa o que, apenas faça!

Espero que vocês tenham gostado do post! Eu acho que é uma ótima reflexão, e vale a pena mudar alguns hábitos para buscar uma felicidade mais plena. E se você gostou, não deixe de nos seguir nas nossas redes sociais e aqui no Blog, assim você sempre via saber quando tiver coisas novas por aqui. 

Um beijo em vocês, até mais!