terça-feira, 27 de dezembro de 2016

O que eu aprendi na faculdade de Direito (até o 5º período)


Se você chegar perto de alguém e dizer que quer cursar Direito o comentário logo após o seu será: "tem que gostar de ler!", e... tcharannnn, é verdade. Até aqui, no 5º dos infer... ops, período, eu já li mais do que a minha vida toda, eu acho. E nem é o tipo de leitura que eu curto hahaha. Então a primeira coisa que eu aprendi é que tenho que ler coisas que eu não gosto e, as vezes, mais de uma vez, porque é impossível *pra mim* compreender de primeira. Também aprendi outras coisas nesse tempo, vou te contar algumas delas...

Not sure if I am in Law School or Hunger Games. |…:

Outra particularidade da faculdade de Direito é o tom de nobreza que as pessoas tem, parece que as pessoas se sentem muito boas por estarem ali, e (algumas) realmente são, ok. Mas desnecessário virar a cara para a moça que entrega panfletos na entrada da faculdade, né amigos? A segunda coisa que eu aprendi é que muitas vezes vão te separar (pra não dizer julgar) pelo modo como se veste, pela renda que sua família tem e pela escola que você estudou antes de estar ali.

Ao longo do curso a gente vai percebendo que nem só de sala de aula vive quem quer passar e, por isso, você passa a escolher melhor com quem fará os trabalhos e exercícios avaliativos. O que eu quero dizer com isso é que no início, como no ensino médio, eu via algumas pessoas e as achava super inteligentes, porque sabiam fazer muitos comentários durante as aulas e até responder algumas questões que os professores nos impunham, porém essas pessoas não eram bons colegas para trabalhar extraclasse, não porque fossem pessoas ruins, mas porque não tinha interesse mesmo. Então eu aprendi que os mais silenciosos são os mais responsáveis e que mais se parecem com o meu jeito de trabalhar.

Também aprendi que se você souber do que se tratará a aula seguinte e fizer uma leitura prévia sobre o tema, seu aprendizado ficará muito mais fluido e, além disso, se algum professor soltar uma pergunta bônus valendo algum ponto extra *ou só afeto, hahaha* você terá muito mais chances de saber a resposta, o que é ótimo.

Outra coisa muito legal, mas que demanda um pouco mais de cuidado é se ligar naqueles professores que tendem a dar dicas de questões de provas durante a aula. Pra dar certo tem que ser um pouco sensível ao temperamento do professor, se perceber que ele fica muito animado ao falar sobre algum ponto da matéria específico, pode anotar, grandes chances de ser uma das questões da prova. Eu tenho alguns adesivos escrito "Vai cair!". Colo pelo meu caderno quando tenho esse felling e depois foco nesses pontos na hora de estudar. Até hoje tem funcionado bem (:

Bom, por último, mas não menos importante, outra coisa que aprendi é a olhar o grupo da sala no whatsapp, o portal da faculdade, o e-mail da turma, enfim, todos os meios de comunicação que você tiver com a faculdade. Isso porque a faculdade não é igual ao colégio que manda recado desmarcando ou marcando coisas com antecedência, eles avisam em cima da hora mesmo e você que tem que se virar pra ficar sabendo. Já fui pra faculdade atoa, porque tinham cancelado a hora, já entrei em sala errada, porque tinha trocado a minha turma de bloco e muitas outras situações que agora não me recordo. *Essa dica vale para outros cursos!*


Essas são algumas das coisas que aprendi até aqui na faculdade de Direito. Tem alguma dica pra compartilhar? Deixa aqui nos comentários pra gente, tá bom?

Um beijo e até mais!